Sabe aquele famoso intervalo para café? No horário de trabalho, ele é um artifício valioso para renovar as energias de um profissional e fazê-lo ser mais saudável e produtivo.

Colaborador sobrecarregado e estressado é o mesmo que funcionário com baixa produtividade, que pode adoecer e gerar despesas, certo? Para evitar esse tipo de situação em sua empresa, você pode adotar práticas simples e de baixo custo, como as pausas de boa qualidade no trabalho.

Junto a isso, promover iniciativas que tratem do bem-estar dos profissionais é muito importante. A alimentação é uma peça chave nesse cenário.

Para ajudar a entender um pouco mais sobre a importância da pausa no trabalho e sobre o papel do RH na saúde do trabalhador, preparamos este material detalhado. Confira!

Cada jornada de trabalho tem uma pausa diferente

Os intervalos no trabalho são regulamentados por lei e funcionam de acordo com cada jornada. De acordo com as leis trabalhistas, essa pausa varia entre 15 minutos e 24 horas. Ela é importante para reduzir o estresse, aumentar a produtividade, melhorar a qualidade de vida dos funcionários e deixá-los mais contentes.

Tudo isso é fundamental para a empresa, já que, além de estar alinhada com a lei, promove o bem-estar de seus colaboradores. Veja como funciona para cada jornada de trabalho:

  • jornada de até 4 horas: sem pausa;

  • jornada de 4 a 6 horas: 15 minutos de pausa;

  • jornada de mais de 6 horas: 1 hora de pausa;

  • jornada de entre um dia e outro: 11 horas de pausa;

  • jornada de entre uma semana e outra: 24 horas de pausa.

Oferecer intervalos de qualidade é importante

Possibilitar que seus funcionários tenham pausas de qualidade no trabalho é muito importante! Afinal, qual seria o diferencial da sua empresa com o público interno se ela fizesse apenas sua obrigação legal?

Uma boa maneira de tornar os intervalos mais agradáveis e relaxantes é investir em um espaço de café, por exemplo. Uma máquina de expresso, alguns biscoitinhos e chás podem transformar uma salinha pequena e simples em um espaço de convivência perfeito.

Possibilitar que as equipes desfrutem de um intervalo para café no horário de trabalho é uma iniciativa simples, com pouco custo, mas com um efeito considerável no bem-estar, saúde e satisfação dos profissionais.

Pesquisadores da London School of Hygiene and Tropical Medicine fizeram um estudo e constataram que a cafeína é benéfica para a memória e para a concentração dos colaboradores, diminuindo até os erros cometidos. Para que você entenda melhor essa perspectiva, separamos algumas razões que a empresa tem para permitir e incentivar as pausas durante a jornada.

Evitar o estresse

O estresse e o esgotamento mental têm se tornado cada vez mais presentes no dia a dia das empresas. Fatores externos e internos acabam provocando tensão emocional nos colaboradores e podem até gerar problemas psíquicos sérios. Fazer pausas durante o trabalho para tomar um café, alongar o corpo, conversar e relaxar pode evitar doenças, como a famosa Síndrome de Burnout.

Esse problema é também conhecido como síndrome do esgotamento profissional. As principais características dessa doença são o estresse crônico e um constante estado de tensão emocional, gerados por condições desgastantes nos âmbitos físico, emocional e psicológico.

Aumentar a produtividade

Aumentar a produtividade é um assunto muito discutido no mundo corporativo e é possível encontrar diversos fatores que colaboram com isso. Entre eles, estão o descanso, o relaxamento e a redução do estresse.

Um funcionário com estados físicos e emocionais saudáveis tende a ser mais produtivo, além de ser mais facilmente alcançado por ações motivacionais. A pausa no trabalho influencia diretamente essa qualidade de vida devido a fatores já citados aqui.

Aumentar a criatividade

Em funções que exigem excessiva atividade cerebral, é comum que, depois de horas desenvolvendo um trabalho, o profissional esteja mentalmente cansado. Com isso, se não houver uma pausa, o resto do dia pode acabar se tornando completamente improdutivo. Os bloqueios criativos são comuns nessas situações.

Um momento de intervalo para café no horário de trabalho pode trazer o renovo necessário para que o colaborador consiga propor melhorias e inovações para a empresa.

Evitar a Lesão por Esforço Repetitivo

A Lesão por Esforço Repetitivo (LER) afeta grande parte dos profissionais e é uma das principais causas de afastamento e concessão de benefícios. De acordo com dados do INSS, em 2017, foram 11,19% dos benefícios concedidos por conta dessa síndrome. O afastamento é de no mínimo 15 dias, gerando um desfalque e gastos extras para a corporação.

Esse quadro pode ser evitado se a empresa adotar medidas como conscientização sobre postura, equipamentos ergonômicos e pausas para relaxamento dos músculos.

O RH pode incentivar hábitos melhores

O intervalo para café no horário de trabalho é apenas um dos hábitos que podem contribuir para a saúde e o bem-estar dos funcionários. Existem outras iniciativas que a empresa pode tomar para mobilizar as equipes em prol de uma vida mais saudável.

O RH deve ser o grande agente dessas mudanças, propondo novidades que aumentem a qualidade de vida e agreguem valor ao ambiente corporativo. Veja algumas ações interessantes.

Montar um restaurante corporativo

Projetar um espaço agradável e aconchegante para as refeições de funcionários e oferecer comida de qualidade é uma excelente alternativa para cuidar da saúde das equipes. O restaurante corporativo evita deslocamentos dos colaboradores para almoço na rua, o que muitas vezes causa desgaste de filas e trânsito.

Criar campanhas de conscientização

Ter um diálogo aberto sobre questões relacionadas à saúde e à alimentação é um dos melhores caminhos para a empresa que se preocupa com os funcionários. É possível criar campanhas de conscientização, oferecer palestras com nutricionistas e, até mesmo, encaminhamento para consultas com profissionais da área.

Implementar um programa de qualidade de vida

Ainda melhor do que ações pontuais é implementar na organização uma cultura que valorize a qualidade de vida. Essa iniciativa tem objetivo de educar em longo prazo os profissionais sobre questões relacionadas a saúde, boa alimentação e cuidado com o corpo. Além disso, cada colaborador é acompanhado e analisado de forma periódica e a empresa pode ter um panorama constante da saúde das equipes.

Viu como é possível ir mais além do intervalo para café no horário de trabalho e implementar medidas que fazem a diferença na qualidade de vida dos funcionários? Equipes saudáveis são mais satisfeitas, engajadas e alcançam seu total potencial produtivo.

Esperamos que este post tenha ajudado você a entender mais sobre pausas no trabalho! Caso tenha alguma dúvida ou dica sobre o assunto, deixe seu comentário aqui embaixo. Vamos conversar!

Deixe uma resposta

Fechar Menu