A gestão de um restaurante exige muito empenho e dedicação. Uma pesquisa do IBGE relacionada ao setor de Food Service (alimentação fora do lar) revelou que o brasileiro destina 25% de sua renda para comer fora de casa.

Esse dado mostra o quanto é importante os gestores estarem atentos aos diferentes perfis dos consumidores, oferecendo um atendimento personalizado e automatizado para atenderem aos seus gostos, necessidades, restrições e anseios.

Por isso, separamos 5 dicas para você aperfeiçoar a gestão do seu restaurante e, consequentemente, alcançar grandes resultados e a tão sonhada consolidação do seu negócio. Vamos lá?

 

1. Controle de custos

A amplitude do Cenário Food Service exige uma gestão rigorosa, principalmente quando se refere aos custos. Afinal, quem gosta de perder dinheiro? Ficar horas tentando mensurar o faturamento mensal não é (e nem pode) ser algo comum. Quando esse processo é feito de forma falha prejudica a redução de custos e não permite o lucro.

Uma boa alternativa para resolver esse problema é contar com um software de automação comercial capaz de otimizar o processo, reduzir o tempo de espera por resultados e realizar o controle financeiro.

 

2. Escute especialistas

O que garante a qualidade do produto que você está servindo ao seus clientes? Para responder essa pergunta é importante considerar a participação de uma consultoria nutricional em seu restaurante. Um profissional especializado pode te ajudar em todo o processo referente à produção de refeições, além de aperfeiçoar o seu cardápio, o cadastro dos nutrientes, evitar o desperdício e gerir os seus recursos.

Embora algumas pessoas tenham resistência a esse tipo de processo, é importante lembrar que o nutricionista está realizando o trabalho para ajudar em bons resultados para o seu negócio.

Saber ouvir é uma das grandes qualidades de um gestor e o torna inteligente e atento ao mercado. Por isso, confie em alguém capacitado e aposte no trabalho em equipe para o sucesso de seu restaurante!

 

3. Invista no autoatendimento

As longas filas nos caixas incomodam (e muito!) qualquer pessoa, seja quem faz o atendimento ou que está sendo atendido. Às vezes o estabelecimento está muito cheio ou barulhento e os atendentes têm dificuldade de escutar o cliente realizando o seu pedido. E, raramente, não há boas alternativas para dar vazão a essas filas.

Mas o que pode ser feito?

Permitir que o consumidor tenha maior autonomia no seu pedido é uma tendência do mercado atual. Com o terminal de autoatendimento, a tecnologia trabalha em prol da otimização dos processos, agiliza os pedidos, reduz e organiza melhor as filas, aumenta a produção e ameniza possíveis erros no produto final que vai ao cliente.

E o melhor: dá maior destaque e relevância nas escolhas e comportamento do consumidor (certamente ele vai se sentir ainda mais valorizado!).

Leia mais – 8 motivos para apostar em terminal de autoatendimento

4. Aposte no feedback do cliente

O cliente satisfeito é reflexo do seu serviço bem executado. Já foi comprovado que após uma experiência positiva com o atendimento, 69% dos consumidores recomendam a empresa aos seus amigos e colegas.

Uma dica para entender melhor o consumidor é apostar em pesquisas de satisfação. O feedback pode ajudar você conhecer um pouco mais sobre as expectativas e em que o seu serviço está deixando a desejar. A pesquisa vai lhe oferecer dados de extrema relevância e permitirá que você proporcione a melhor experiência aos clientes.

Lembre-se: consumidores satisfeitos tornam o seu negócio ainda mais rentável e propício a bons resultados.

 

5. Cuide do seu estoque com carinho

Quando você utiliza um software de gestão de estoque em restaurante e tem processos internos bem definidos, é fácil de ter completo domínio dos produtos que entram e saem da sua empresa. Pense no controle de estoque como uma balança, uma vez que está equilibrado não há problemas como o encarecimento de produtos finais e aplicações indevidas do capital de giro.

Cuidar do estoque é muito importante para reduzir custos e desperdícios. Afinal, ele é a matéria-prima e a base da sua organização de seu negócio.

 

Ofereça o melhor atendimento possível

 

Parece clichê, mas oferecer o melhor atendimento possível é uma premissa que muitos restaurante não conseguem cumprir. O processo de atendimento dita se um consumidor vai escolher o seu estabelecimento ou se vai preferir outro.

Por isso, aperfeiçoar o seu restaurante é um processo constante e diz muito sobre o tipo de gestor que você é e como o seu estabelecimento quer ser conhecido. Um gestor mal-informado certamente torna o negócio menos competitivo no mercado de Food Service e dificulta as tomadas de decisão.

*Este guest post foi escrito por Teknisa – empresa especializada em software para gestão de restaurante

Deixe uma resposta

Fechar Menu