Saber diferenciar custos e despesas é um aspecto muito importante na gestão de um negócio. Muitas organizações acabam confundindo as planilhas na hora de contabilizar os benefícios oferecidos, o que pode gerar uma confusão nos relatórios mensais e prejudicar novos investimentos. 

Este post foi escrito para auxiliar você quanto a dois princípios básicos: como computar o benefício e o que a Lei estabelece em relação aos ambientes para a alimentação na empresa.

Entenda se a alimentação corporativa é uma despesa ou um custo e se o restaurante do seu negócio está adequado às normas de fornecimento. Boa leitura!

Diferença entre custo e despesa

Organizações que desejam melhorar o fornecimento da alimentação na empresa devem analisar todas as questões que envolvem essa atividade. Um quesito fundamental é saber como contabilizar essa ação.

Custos

Na contabilidade de uma organização, os custos são classificados como os gastos diretamente relacionados à produção ou aquisição de materiais de estoque, como a matéria-prima para a confecção de um determinado produto ou itens comprados para serem revendidos.

Os salários dos trabalhadores responsáveis por essa produção também são classificados como custos, pois, se todos esses funcionários forem demitidos, a matéria-prima não se transformará sozinha nos artigos que serão fornecidos.

Despesas

As despesas são os gastos necessários para manter toda a estrutura de uma organização em pleno funcionamento, sem contribuir diretamente na geração dos itens que serão comercializados, por exemplo:

  • gastos administrativos (os salários, por exemplo);
  • comissão de vendas;
  • campanhas publicitárias.

Os custos e as despesas podem, ainda, ser classificados como fixos ou variáveis. Os fixos não possuem variação com o volume produzido ou vendido. As variáveis, por sua vez, como o próprio nome sugere, oscilam em função da quantidade.

Alimentação na empresa

De acordo com a lei nº 6.321, de 1976, que estabelece o Programa de Alimentação do Trabalhador (PAT), os gastos com a nutrição dos colaboradores do setor administrativo são contabilizados como despesas. Classificam-se como custos os gastos relativos à alimentação dos trabalhadores envolvidos com o departamento de produção.

Contudo, do ponto de vista técnico, a alimentação na empresa é considerada uma despesa, uma vez que se configura como benefício oferecido a todos os colaboradores que integram o quadro de funcionários.

Como calcular

Caso a organização não esteja integrada com o PAT, que possui normas já estabelecidas, o restaurante corporativo deve ser considerado um benefício não monetário, que pode ser descontado do próprio funcionário para custear o serviço. 

Assim, a despesa se resume a quantia exata a ser paga, após a dedução desses descontos realizados. 

Normas de fornecimento

A alimentação na empresa deve ser apropriadamente disponibilizada, tanto na qualidade dos produtos quanto no valor nutricional do cardápio.

Para saber se o restaurante corporativo está adequado as normas de fornecimento, você deve estar atento à NR-24. Essa norma foi criada para estabelecer diretrizes para as condições sanitárias e de conforto nos locais de trabalho, no que se refere a:

  • banheiros;
  • vestiários;
  • local para refeições;
  • cozinhas;
  • alojamentos;
  • higiene e conforto nesses espaços.

Um restaurante corporativo deve respeitar o porte adequado para o número de funcionários que utilizarão o espaço a cada turno. Piso, teto, paredes, ventilação e iluminação devem estar de acordo com o que está estabelecido pela norma.

Além disso, organizações com mais de 300 colaboradores são obrigadas a oferecer um ambiente adequado as refeições, em um local separado dos locais laborais.

A alimentação na empresa é mais que uma obrigação. O benefício promove qualidade de vida aos funcionários, aumenta os níveis engajamento e reflete positivamente na produtividade. Inserir esse benefício na planilha adequada ajuda a organizar o orçamento do setor e direcionar a verba da maneira mais adequada o possível.

Gostou do artigo? Restou alguma dúvida? Então, deixe um comentário no post! Sua opinião é importante para nós!

Fechar Menu