Desenvolver um planejamento estratégico para RH não é um diferencial competitivo, hoje em dia, mas sim um pré-requisito para que a empresa se mantenha no mercado atual e consiga crescer de acordo com seus objetivos. Considerando que o ano está chegando ao fim, é a hora de começar a preparar seu negócio para os desafios que 2019 reserva.

Sendo assim, podemos afirmar que uma boa estratégia para o RH deve envolver os demais setores na elaboração, analisar oportunidades, conhecer os objetivos, entre outros aspectos.

Neste conteúdo, separamos as melhores práticas sobre como criar um planejamento estratégico para RH. Quer saber mais sobre o assunto? Então, acompanhe a leitura do artigo para conferir!

O que é planejamento estratégico?

É a transição do velho conceito de agir com reatividade para começar a se antecipar às mudanças. Isso deve envolver a motivação de todos os funcionários e o auxílio à gestão para que alinhe suas metas e expectativas na empresa.

O planejamento estratégico também visa garantir a manutenção de todas as atividades que têm a finalidade de alinhar a rotina produtiva da organização às questões e parâmetros estabelecidos pela CLT.

Quais são as vantagens de criar um planejamento estratégico para RH?

Há muitas vantagens em elaborar um plano de negócios para o RH da empresa. A seguir, mostraremos algumas das mais evidentes e com alto potencial para consolidar a empresa eu seu mercado:

  • atrai e retém talentos: a boa reputação de empresas que se preocupam com seus recursos humanos faz com que os colaboradores queiram se desenvolver no local onde trabalham;
  • reduz o índice de rotatividade: quanto mais satisfeitos os empregados ficam por trabalharem em uma organização, menor o índice de turnover;
  • aumenta a produtividade: somente 39% do período de trabalho são produtivos, mas um planejamento estratégico pode aumentar essa proporção;
  • reduz os custos operacionais: por meio de métricas para mensurar resultados, o RH é capaz de controlar gastos e eliminar gargalos e obstáculos à produtividade;
  • promove a comunicação corporativa: a empresa transmite suas expectativas e objetivos, ao mesmo tempo em que abre espaço para que os colaboradores tenham voz e participem das iniciativas.

Como criar um planejamento estratégico para RH?

Agora que você conhece os maiores benefícios que esse tipo de ação proporciona à empresa, confira a seguir os principais passos para elaborar um planejamento voltado para o setor de RH.

Conheça os objetivos e necessidades do RH

Quais são as necessidades do RH de sua empresa hoje? A resposta para essa pergunta pode estar relacionada às ações necessárias para alavancar seu negócio.

Entre os principais aspectos com que o departamento de Recursos Humanos deve se envolver ativamente, podemos citar:

  • capacitação dos colaboradores;
  • taxa de turnover;
  • desempenho de cada funcionário;
  • produtividade de cada setor dentro da empresa;
  • desenvolvimento de capital intelectual;
  • atração e retenção de novos talentos;
  • satisfação dos funcionários;
  • clima organizacional.

Entre outros aspectos pertinentes à produtividade.

Analise as oportunidades

Para uma boa análise, o departamento precisa estabelecer uma matriz SWOT. Essa métrica ajudará a organização a identificar não apenas as oportunidades, mas também os pontos fracos e fortes e ameaças ao negócio.

Além disso, a análise de SWOT dará auxílio às transformações necessárias para gerar vantagem competitiva à empresa, já que observa as boas práticas da concorrência e evita seus erros. É importante também para definir ações, objetivos e iniciativas para direcionar as operações.

Envolva outros setores na elaboração do planejamento

Por fim, é importante mencionar que um planejamento estratégico para RH só sairá do papel se o setor não se restringir apenas à própria equipe. É fundamental envolver outros departamentos na elaboração do projeto.

Somente dessa forma é que os demais membros do time da organização conhecerão as necessidades, gaps de competência e forças que a empresa tem para atuar em seu segmento.

Como você pôde conferir neste artigo, um bom planejamento estratégico para RH é capaz de reduzir o índice de turnover na empresa, alavancar seus resultados e gerar vantagem competitiva em seu mercado de atuação.

Agora que você já conhece as melhores práticas para criar um planejamento estratégico para RH, não deixe de conferir, também, como o RH e o marketing podem trabalhar juntos e quais os benefícios!

Fechar Menu