Descubra o que é o selo Safeguard e como ele é fundamental na retomada das empresas durante a pandemia.

Reiniciar as atividades de qualquer tipo de negócio com segurança após a pandemia de Coronavírus requer uma série de considerações importantes, especialmente para organizações que operam em vários países.

O Bureau Veritas, como líder global em compliance, estabeleceu o Selo Safeguard de Excelência e Segurança em Higiene para ajudar as empresas a reabrir suas atividades com segurança e certificar que os estabelecimentos atendem aos padrões de higiene e saneamento.

Esse certificado garante que a empresa está em conformidade com os regulamentos locais, as melhores práticas reconhecidas do setor e são aprovadas pelos principais epidemiologistas.

Para receber o selo Safeguard, uma empresa precisa passar pelas seguintes etapas:

Validação das diretrizes

As diretrizes são essenciais para que as instalações entendam os requisitos a serem implementados e contra os quais serão auditadas.

Questionário de autoavaliação

As diretrizes validadas são divididas em uma série de perguntas que cada instalação deve responder para avaliar sua prontidão para a auditoria.

Auditoria independente

Uma auditoria local será conduzida por um profissional experiente do Bureau Veritas Health and Safety para avaliar a eficácia e a aplicação das medidas e protocolos implementados no nível da instalação.

Emissão de certificado

No final da auditoria, a instalação terá 10 dias úteis para retificar e encerrar quaisquer descobertas de não conformidade.

Quando as não conformidades forem resolvidas, o Bureau Veritas emitirá um certificado de conformidade e um rótulo do Programa de Garantia Safeguard para promover a conquista.

Trabalhar em uma empresa que tenha o selo Safeguard significa ter a garantia de que todos os procedimentos de higiene e limpeza são seguidos à risca.

Aproveite para conhecer mais sobre os valores da Exal e veja como estamos completamente alinhados com as diretrizes do selo Safeguard.

 

Deixe uma resposta